Dia Mundial do Vento – “A Energia Eólica: Presente e Futuro”

Blog, Energia Eólica, Energias RenováveisComentários fechados em Dia Mundial do Vento – “A Energia Eólica: Presente e Futuro”1443

O Dia Mundial do Vento (Global Wind Day) foi criado em 2007, pela Wind Europe, em parceria/coordenação com o Conselho Mundial de Energia Eólica (GWEC)com o intuito de chamar a atenção para o grande potencial do vento como recurso de produção de eletricidade renovável.

Este evento mundial ocorre anualmente no dia 15 de junho e é um dia para descobrir as potencialidades/vantagens da energia eólica. Segundo o GWEC, mais de 80 países a nível mundial, têm parques eólicos em operação, que permitem reformular os sistemas de energia, descarbonizar as economias e impulsionar empregos e crescimento.

Para assinalar o Dia Mundial do Vento 2019, a APREN – Associação de Energias Renováveis, organizou no dia 18 de junho, um debate focado no tema: “A Energia Eólica: Presente e Futuro”.

Em análise estiveram  temas como:

  1. Os desafios da energia eólica para 2030;
  2. A situação atual das renováveis na política energética nacional;
  3. Os desafios da energia eólica para cumprir os desígnios do PNEC – Plano Nacional para a Energia e o Clima 2030;
  4. Operação do Sistema Elétrico com elevada penetração de renováveis – Os desafios;
  5. Requisitos técnicos a exigir em novos concursos;
  6. O impacto da energia eólica na economia e no desenvolvimento e coesão regional do país.

Esta iniciativa pretendeu incentivar os participantes a identificarem os principais pontos positivos e de melhoria na implementação da política das renováveis em Portugal.

O evento realizou-se na Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto (FEUP) e juntou pela primeira vez a academia, a rede elétrica, empresas e autoridades locais.

Entre os oradores estiveram presentes:

  1. António Esteves – ENERCON
  2. Jorge Magalhães – Vestas
  3. António Lobo Gonçalves – EDP Renováveis
  4. Carlos Carvalho – Câmara Municipal de Tabuaço
  5. José Maria Costa – Câmara Municipal de Viana do Castelo
  6. António Albino Marques – REN (Redes Energéticas Nacionais)
  7. José Carlos Matos – Instituto de Ciência e Inovação em Engenharia Mecânica e Engenharia Industrial (INEGI)
  8. Susana Marvão – Vida Económica
  9. Cláudio Monteiro – FEUP
  10. Álvaro Rodrigues – FEUP
  11. João Peças Lopes – FEUP
  12. Pedro Amaral Jorge – APREN
  13. José Medeiros Pinto – APREN

Para consultar o programa completo, CLIQUE AQUI

A Energia Eólica em Portugal

Desde o ano 2000 tem-se vindo a verificar um crescimento contínuo das centrais eólicas em Portugal, motivado por uma aposta estratégica da política nacional e europeia nos recursos endógenos e renováveis.

A energia eólica tornou-se um recurso marcante no mix elétrico nacional, contribuindo de forma decisiva, para que as fontes de energia renovável tenham passado a ter uma expressão superior à geração a partir de combustíveis fósseis.

Desde o início do ano de 2019, as fontes de eletricidade renovável representaram 58,16% do mix de produção de eletricidade em Portugal Continental, sendo 29,33% é apenas referente à energia eólica.

O setor eólico tem contribuído de forma determinante para a economia nacional, graças ao investimento tanto de empresas nacionais como empresas internacionais a operar no país.

Curiosidades sobre a Energia Eólica

Em preparação para este dia, a Wind Europe e o GWEC, disponibilizaram no site oficial – “Global Wind Day“, alguns vídeos informativos, que explicam em 60 segundos, algumas curiosidades sobre a Energia Eólica. Veja aqui algumas dessas curiosidades:

Porque é que as turbinas eólicas são brancas?

Porque é que as turbinas eólicas têm 3 pás?


Leitura adicional: Energia eólica – Como funciona um aerogerador


A NOCTULA – Consultores em Ambiente no setor das Energias Renováveis 

NOCTULA – Consultores em Ambiente já realizou vários trabalhos relacionados com energia eólica, nomeadamente no âmbito de sobreequipamento de parques eólicos, tendo sido responsável pelo:

1) Pedido de Enquadramento do Sobreequipamento do parque eólico do Sobrado e pela elaboração de todos os elementos do respetivo Anexo Técnico e Anexo Cartográfico.

2) Estudo de Incidências Ambientais – Repowering do Parque Eólico Picos Verdes I

3) Estudo de Impacte Ambiental – Repowering e sobreequipamento do Parque Eólico de Picos Verdes II

Conheça os nossos projetos, aqui:http://noctula.pt/category/estudos-projetos/

Caso necessite de algum serviço nesta área não hesite em contactar-nos: 232 436 000 ou através do email: [email protected].


Fonte: APREN, Renováveis Magazine

Related Posts