Plano de Monitorização no âmbito do projeto extensão de pás do Parque Eólico do Sobrado

Blog, Energia Eólica, Energias Renováveis, ProjetosComentários fechados em Plano de Monitorização no âmbito do projeto extensão de pás do Parque Eólico do Sobrado1040

A NOCTULA – Consultores em Ambiente, foi responsável pela elaboração de um plano de monitorização da mortalidade da Avifauna e Quirópteros, no âmbito da fase de exploração do projeto de extensão das pás dos aerogeradores do Parque Eólico do Sobrado (PES).

O Plano de Monitorização tem como objetivo quantificar as mortalidades por colisão com os aerogeradores do PES onde se instalarem as extensões de pás e compará-las, com recurso a ferramentas estatísticas adequadas, com as que potencialmente ocorreram em torno dos aerogeradores antes da instalação das extensões de pás. Estes dados, quando conclusivos, poderão servir de base para o planeamento de medidas de salvaguarda e minimização dos potenciais efeitos negativos nas comunidades afetadas.

No atual contexto económico, as preocupações com a otimização de recursos e com o retorno dos investimentos realizados, têm dado especial ênfase a projetos de investigação como o projeto “Extensão de pás” da empresa Energiekontor Portugal.

O aumento de apenas 2,5 metros no tamanho das pás dos aerogeradores, com investimentos relativamente reduzidos, leva a um aumento de cerca de 9% na capacidade de produção dos aerogeradores já instalados. Em termos ambientais, poderão levantar-se algumas questões importantes no que diz respeito às mortalidades de aves e de quirópteros que possam ocorrer devido à colisão com as estruturas que, apesar de já existirem no local, passarão a ocupar um maior diâmetro quando os aerogeradores estiverem em funcionamento.

O projeto de extensão de pás dos aerogeradores do Parque Eólico do Sobrado será desenvolvido com a intenção de aumentar o rendimento dos aerogeradores instalados em locais sub-ótimos em termos de produção. A extensão inicia-se na ponta da pá e consiste num segmento adicional, estratificado sobre a ponta da pá que se encontra fixa ao rotor.

Extensão de Pás _ Penedo Ruivo

Extensão de Pás no Parque Eólico de Penedo Ruivo – Rotor Blade Extension by Energiekontor

Os aerogeradores do Parque Eólico do Sobrado (PES), nos quais se pretende colocar extensão de pás, localizam-se no concelho de Castro Daire e formam uma fiada de quatro máquinas da marca Repower (modelo MM82 evolution), com uma altura de torre de 80 metros, diâmetro de rotação das pás de 82 m e potência unitária de 2 MW. Os aerogeradores encontram-se edificados ao longo de uma linha de cumeada na serra de Montemuro.

O promotor do PES, submeteu o projeto (em fase de estudo prévio) a Avaliação de Impacte Ambiental (AIA), apresentando à Agência Portuguesa do Ambiente (APA), para integrar o processo de licenciamento, tendo sido proferida para o Projeto “Parque Eólico do Sobrado”, em janeiro de 2007, uma Declaração de Impacte Ambiental (DIA), contendo uma decisão favorável condicionada.

Este documento refere a necessidade da criação de um programa de monitorização específico para quirópteros, na fase anterior à construção do PES e na sua fase de exploração, de modo a avaliar e acompanhar as possíveis alterações resultantes da implantação do projeto.

Em janeiro de 2016 foi comunicada à APA a intenção, da empresa Energiekontor, proceder à colocação de extensões de 2,5 metros nas pás dos aerogeradores do PES, sendo necessário identificar potenciais consequências ambientais da execução do projeto, bem como apresentar medidas de mitigação, uma vez que se trata de um projeto de alteração às características das pás dos aerogeradores de um parque eólico já existente.

Parque eólico sobrado

Parque Eólico do Sobrado

Parâmetros a monitorizar

  1. Mortalidade – contagem do número de cadáveres de aves e de quirópteros em torno dos aerogeradores;
  2. Causas de morte – determinação da provável causa de morte dos cadáveres encontrados.

A monitorização da mortalidade de aves e de quirópteros será efetuada nos quatro aerogeradores do PES e decorrerá pelo período de três anos, tendo início a partir do momento em que se instalarem as extensões das pás nos aerogeradores.

As prospeções de mortalidade de aves e quirópteros, vítimas de colisão com as estruturas que constituem os aerogeradores decorrerão entre os meses de março e outubro, de forma a contemplar simultaneamente o período de atividade das espécies de quirópteros e as principais épocas fenológicas das aves (migração pré-nupcial, reprodução, dispersão de juvenis e migração pós-nupcial). Não se considerou como época a amostrar o período de inverno, uma vez que corresponde ao período de hibernação das espécies de quirópteros.


Já conhece a Energiekontor e o projeto Rotor Blade Extension?

Veja através deste vídeo, em que consiste o produto RBE – Extensão de pás.

Caso necessite de algum serviço nesta área não hesite em contactar-nos: 232 436 000 ou através do email: info@noctula.pt.

Related Posts