fbpx

Um futuro 100% renovável? 139 países poderão consegui-lo já em 2050

Será que a energia do vento, da água e do sol poderão eliminar os combustíveis nucleares e fósseis?

Uma equipa internacional de 27 investigadores alemães, dinamarqueses e americanos, liderados por Mark Z. Jacobson, diretor do Programa Atmosfera e Energia, da Universidade de Stanford nos EUA, explicaram à revista Scientific American Magazine e à revista Joule, que um total de 139 países têm capacidade para funcionar apenas com energia renovável (energia sola, hídrica e eólica), já em 2050.

O desafio de alimentar o planeta através de energias limpas para evitar o aquecimento global e criar países auto-suficientes com energia renovável é hoje uma das maiores preocupações. Os planos de energia para o setor da energia renovável, desenvolvidos por esta equipa, afirmam que um futuro 100% renovável é uma situação possível.

O estudo examinou dados estatísticos dos setores da eletricidade, transporte, aquecimento, indústria, agricultura, silvicultura e pesca de cada país, de forma a perceber qual a quantidade de energia que cada país precisaria até 2050. Calculou como é que a energia renovável poderia abranger essas necessidades, onde poderia ir e quanto custaria. Concluindo ainda que 139 países poderão funcionar com 80% de energia renovável em 2030 e 100% em 2050.

Os 139 países reúnem 99% das emissões de dióxido de carbono (CO2) em todo o mundo. Os cientistas explicam que os Estados Unidos, a China e a UE terão mais facilidades para fazer uma transição de 100% de energia apostando em energia eólica, hídrica e solar, enquanto que outros países como a Singapura por exemplo, terão mais dificuldade por serem altamente povoados, pequenos e cercados por muitos oceanos, exigindo um grande investimento em energia solar offshore para se converter completamente.

A Costa Rica, por exemplo, poderá tornar-se no 1º país em desenvolvimento a ter 100% de energia renovável. Devido aos seus recursos hídricos, eólicos e geotérmicos, 98% da sua energia atualmente é renovável. O país chegou até a conseguir a produção de 100%  de energia renovável por 94 dias consecutivos.

O estudo prevê que que a concretização de uma adesão em massa ao novo paradigma energético, terá como resultado:

  • A criação a longo prazo de 24 milhões de empregos;
  • Uma diminuição anual de entre 4 e 7 milhões de mortes por contaminação atmosférica;
  • A estabilização dos preços da energia;
  • Uma poupança de 20 mil milhões de dólares/ano de custos associados à saúde e ao clima.

A diferença entre este estudo e outros estudos semelhantes, é que este permite analisar não apenas os benefícios climáticos da redução de carbono, mas também os benefícios de poluição do ar, benefícios na área do emprego e benefícios de custos.

Jacobson, diz que este estudo apresenta “planos que mostram que é tecnicamente e economicamente viável mudar a infraestrutura energética de todos esses países. Embora existam barreiras sociais e políticas, a conversão para 100% usando as tecnologias existentes são tecnicamente e economicamente viáveis”.

NOCTULA – Consultores em Ambiente presta diversos serviços para o setor das Energias Renováveis, em todas as áreas de intervenção:

  • Pedido de Enquadramento no Procedimento de Avaliação de Impacte Ambiental (AIA);
  • Estudos relacionados com os procedimentos de Avaliação de Impactes (EIA) e Incidências Ambientais (EIncA);
  • Relatórios de Conformidade Ambiental do Projeto de Execução (RECAPE);
  • Elaboração e Implementação de Medidas Minimizadoras e Compensatórias.

 

Caso necessite de algum serviço nestas áreas, não hesite em contactar-nos: 232 436 000 ou através do email: info@noctula.pt.

… o que interessa deve ser partilhado!

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email

Este site utiliza cookies para permitir uma melhor experiência por parte do utilizador. Leia a nossa Política de Privacidade para mais informações.