fbpx

Maior projeto de sempre de energia das ondas

O maior projeto de sempre de energia das ondas vai arrancar na Escócia com 269 turbinas submarinas que fornecerão eletricidade a 175 mil casas.

O movimento da água que resulta da força do vento transporta energia cinética que pode ser aproveitada por dispositivos próprios para a captação dessa energia, chamada energia das ondas.

Um consórcio de investidores vai aplicar cerca de  62 milhões de euros para dar início à instalação de quatro turbinas de 1,5 MW em alto mar e ainda à construção de uma infraestrutura em terra que dará apoio ao projeto e funcionará como estação conversora de energia e de ligação à rede. Na fase seguinte, serão instaladas 61 turbinas com 86 MW em alto-mar, que fornecerá eletricidade suficiente para 42 mil casas na Escócia.

Turbina offshore energia renovavel

Quando a construção estiver concluída, o projeto MeyGen, detido pela empresa Atlantis Resources, vai contar com a instalação de 269 turbinas capazes de levar energia limpa e sustentável a cerca de 175 mil casas na Escócia e ainda criar mais de 100 postos de trabalho na cidade de Pentland Firth, onde o projeto será desenvolvido.

Tim Cornelius, CEO da Atlantis e diretor da MeyGen, considera que este projeto significa “uma transformação no setor” e que o MeyGen “é um dos desenvolvimentos mais entusiasmantes e inovadores do mundo na área das energias renováveis”.

Já o secretário da Energia do Reino Unido, Ed Davey, afirma que “o projeto vai colocar a Escócia e o Reino Unido no mapa como líder mundial em tecnologia marítima”. Davey refere ainda que “a energia das ondas e das marés tem potencial para providenciar mais de 20% da eletricidade no Reino Unido”.

MayGen-energia das ondas turbinas submersas

As razões para este tipo de energia renovável ainda estar pouco desenvolvida prende-se com o facto das condições a que as estruturas estão sujeitas serem muito fortes, levando a uma degradação mais rápida dos materiais, e como consequência aumentado os seus custos. No entanto, a construção do projeto MeyGen está prevista para começar ainda em 2104, com a primeira eletricidade distribuída à rede até 2016.

Outro sistema de produção de eletricidade através da energia das ondas é o projeto português SWELL, que terá uma capacidade de 5,6 MW, através de 16 módulos de 350 KW cada, que serão instalados algumas milhas a Norte da península de Peniche.

… o que interessa deve ser partilhado!

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email

Este site utiliza cookies para permitir uma melhor experiência por parte do utilizador. Leia a nossa Política de Privacidade para mais informações.