conferencia responsabilidade ambiental banner site grande

Estou abrangido pela Responsabilidade Ambiental?

Blog, Conferência "Responsabilidade Ambiental"Comentários fechados em Estou abrangido pela Responsabilidade Ambiental?972

Share on FacebookShare on Google+Share on LinkedInBuffer this pagePin on PinterestTweet about this on TwitterEmail this to someone

Com base no princípio do poluidor-pagador, o regime relativo à Responsabilidade Ambiental (Decreto-Lei n.º 147/2008, de 29 de julho) aplica-se à prevenção e reparação dos danos ambientais.

Quem é abrangido pela Responsabilidade Ambiental?

O diploma é aplicável a qualquer pessoa singular ou coletiva, pública ou privada, que execute, controle, registe ou notifique uma atividade cuja responsabilidade ambiental esteja sujeita a este decreto-lei.

As atividades abrangidas são as seguintes:

  • – Exploração de instalações sujeitas a Licença Ambiental;
  • – Operações de gestão de resíduos, incluindo a recolha, o transporte, a recuperação e a eliminação de resíduos e resíduos perigosos, incluindo a supervisão dessas operações e o tratamento posterior dos locais de eliminação;
  • – Todas as descargas para as águas interiores de superfície que requeiram autorização prévia;
  • – Todas as descargas de substâncias para as águas subterrâneas que requeiram autorização prévia;
  • – As descargas de poluentes nas águas de superfície ou nas águas subterrâneas que requeiram licença, autorização ou registo;
  • Captação e represamento de água sujeitos a autorização prévia;
  • – Fabrico, utilização, armazenamento, processamento, enchimento, libertação para o ambiente e transporte no local de substâncias ou preparações perigosas, produtos fitofarmacêuticos ou produtos biocidas;
  • – Transporte rodoviário, ferroviário, marítimo, aéreo ou por vias navegáveis interiores de mercadorias perigosas ou poluentes;
  • – Exploração de instalações sujeitas a autorização sobre libertação para a atmosfera de substâncias poluentes abrangidas pela Directiva n.º 84/360/CEE, do Conselho, de 28 de Junho;
  • – Quaisquer utilizações confinadas, incluindo transporte, que envolvam microrganismos geneticamente modificados;
  • – Qualquer libertação deliberada para o ambiente, incluindo a colocação no mercado ou o transporte de organismos geneticamente modificados;
  • Transferências transfronteiriças de resíduos, no interior, à entrada e à saída da União Europeia;
  • – A gestão de resíduos de extração.

A NOCTULA – Consultores em Ambiente, em parceria com o Departamento de Ambiente da Escola Superior de Tecnologia e Gestão de Viseu, promoveu no dia 11 de maio de 2016, uma Conferência sobre Responsabilidade Ambiental

conferencia responsabilidade ambiental banner google

Conheças as empresas e organizações que preencheram o programa da conferência:


Local: Auditório da Escola Superior de Tecnologia e Gestão de Viseu

Data: 11 de maio de 2016

Público-alvo: Profissionais do setor do Ambiente, da Indústria e Serviços, Seguradoras, Juristas, Gestores e Técnicos da Administração Pública, Investigadores e Estudantes de todas estas áreas.

Programa: clique aqui para descarregar.

Conferência Responsabilidade Ambiental

Share on FacebookShare on Google+Share on LinkedInBuffer this pagePin on PinterestTweet about this on TwitterEmail this to someone

Related Posts