fbpx

Controlo de Plantas Invasoras – 22 a 28 de julho na Serra do Gerês

As invasões biológicas são consideradas uma das principais ameaças à biodiversidade.

Decorreu no Campo do Gerês, no Parque Nacional da Peneda-Gerês, de 22 a 28 de Julho de 2018, uma sessão de Campos de Trabalho Científico sobre Controlo de Plantas Invasoras (CTC).

Organizados pela equipa do site Invasoras.pt, os CTC têm como objetivo, contribuir para o aumento do conhecimento sobre invasões biológicas e simultaneamente contribuir para a resolução deste problema ambiental.

Os CTC estão inseridos, desde 2003, no âmbito das atividades de divulgação científica sobre invasões biológicas, realizadas pelo Centro de Ecologia Funcional – CEF/UC e pela Escola Superior Agrária do Instituto Politécnico de Coimbra – ESAC.

Atividades:

 – Sessões de formação ambiental sobre invasões biológicas, em particular plantas invasoras, nomeadamente:

  • Conceitos e consequências das invasões biológicas;
  • Legislação em vigor;
  • Principais plantas invasoras em Portugal continental;
  • Gestão e controlo de plantas invasoras.

 

– Ações de controlo de plantas invasoras presentes no Parque Nacional da Peneda-Gerês, nomeadamente mimosa (Acacia dealbata) e austrália (Acacia melanoxylon). Estas ações estão inseridas no âmbito de um projeto a decorrer da Associação de Compartes de Campo do Gerês.

Desenvolvimento de experiências científicas relacionadas com plantas invasoras.

Aproveite para consultar a lista atualizada de espécies exóticas invasoras que suscitam preocupação na União Europeia.

Leia ainda o artigo: As plantas invasoras mais comuns a despontar em áreas ardidas.

Fonte: Invasoras

A NOCTULA – Consultores em Ambiente elabora e implementa planos de gestão para espécies específicas de fauna e flora e medidas de minimização e compensatórias de impactes sobre as mesmas.

Fomos responsáveis pela Inventariação e Cartografia de Manchas de Espécies Exóticas Invasoras, na área do Aproveitamento Hidroelétrico do Mel.

A NOCTULA – Consultores em Ambiente foi também responsável pela elaboração de um Plano de Monitorização dirigido à espécie Murbeckiella sousae na área dos parques eólicos de Seixinhos e Penedo Ruivo (Serra do Marão).

Caso necessite de algum serviço na área da Monitorização de Sistemas Ecológicos, não hesite em contactar-nos: 232 436 000 ou através do email: info@noctula.pt.

… o que interessa deve ser partilhado!

Este site utiliza cookies para permitir uma melhor experiência por parte do utilizador. Leia a nossa Política de Privacidade para mais informações.