paineis fotovoltaicos solares energias renovaveis chile

Energias renováveis no Chile crescem devido ao sol do deserto

Blog, Energia Solar, Energias RenováveisComentários fechados em Energias renováveis no Chile crescem devido ao sol do deserto2600

Com o deserto mais ensolarado da Terra, uma costa varrida pelos ventos e fontes limitadas de combustível fóssil, o norte do Chile tornou-se no principal mercado do mundo para energia renovável.

As energias renováveis no Chile são agora mais baratas que a eletricidade vendida no mercado do país e, com a expetativa de que a procura global por cobre aumente, também crescerá a necessidade de energia nas minas do remoto deserto do Atacama. Os projetos eólicos e solares que foram aprovados exigirão 7 mil milhões de dólares para serem concluídos.

O Chile é o nosso país favorito”, disse o CEO da Pattern Energy, Michael Garland, em entrevista. “Tem uma boa economia, um ambiente político estável e é uma espécie de ilha energética com poucas fontes nativas de energia”. A Pattern Energy Group Lp concluiu em agosto o maior parque eólico da América Latina, o projeto El Arrayán, de 115 megawatts.

O Chile importa mais de 90 % de seus combustíveis fósseis e paga as tarifas de eletricidade mais altas da América Latina. Cinco anos de seca esgotaram os reservatórios das centrais hidrolétricas, tornando o Chile mais dependente do carvão e do diesel para administrar nas centrais de energia.

O potencial do país para energia renovável é enorme, o Chile tem 6400 km de costas ventosas, 137 vulcões que estão a ser avaliados como potenciais investimentos em centrais de energia geotérmica, e o deserto do Atacama, que é o lugar mais seco e mais ensolarado da Terra, bastante adequado para projetos solares.

Conheça os 10 países mais atraentes para investir em renováveis, o Chile está em 13º lugar numa lista de 40 países, enquanto que Portugal se encontra no 18º lugar nesta lista.


A NOCTULA – Consultores em Ambiente foi responsável pela elaboração do Estudo de Incidências Ambientais (EIncA) relativo ao projeto da Central Fotovoltaica em Ovar, que evitará a emissão para a atmosfera de 1300 toneladas de CO2 por ano. Conheça os nossos serviços na área das energias renováveis.


Fonte: Exame

Related Posts