fbpx

12 pontos essenciais sobre Hidrogénio Verde

Na próxima década o setor da energia será aquele que dará o maior contributo para a descarbonização, pelo que a transição energética assume um papel extremamente importante.

A descarbonização do planeta é um dos principais objetivos assumidos por vários países de todo o mundo até 2050. Em Portugal, a descarbonização é uma das cinco dimensões da energia e encontra-se estipulada no Plano Nacional Energia-Clima (PNEC) 2030.

Nesse sentido, a descarbonização de um elemento como o hidrogénio, que através de fontes de energia renovável resultará na produção de hidrogénio verde, revela-se como um dos pontos fulcrais da próxima década.

Para acelerar a transição energética e a descarbonização, Portugal aposta cada vez mais na produção e na incorporação de volumes crescentes de fontes de energia renovável e começa agora também a dar os primeiros passos na implementação de estratégias para incorporação e produção de hidrogénio verde, de forma a promover a substituição dos combustíveis fósseis. Essas estratégias encontram-se vinculadas, tanto no âmbito do Roteiro para a Neutralidade Carbónica 2050, como no Plano Nacional de Energia e Clima 2030 e na Estratégia Nacional para o Hidrogénio (EN-H2).

A entrada do hidrogénio verde no Sistema Energético Nacional é assim um dado incontornável!

12 pontos essenciais sobre Hidrogénio Verde
1 – É um elemento abundante

O Hidrogénio é o elemento químico mais abundante no Universo e um dos mais abundantes no planeta Terra. No entanto, apesar de muito abundante, o hidrogénio não se encontra em estado livre na natureza. 

2 – Renovável e inesgotável

A sua característica renovável e inesgotável contribui para uma maior garantia de estabilidade do setor energético. Essa estabilidade permite estabelecer uma grande diferenciação entre as condições de longo prazo na utilização do hidrogénio verde em relação aos combustíveis fósseis que existem em quantidade limitada na Terra.

3 – Fonte de energia limpa

O hidrogénio verde é uma fonte de energia limpa pois ao contrário do carvão e do petróleo, só emite vapor de água e não deixa resíduos no ar. 

4 – Não é tóxico

A combustão não implica emissões nocivas para o ambiente, pelo que, relativamente a outras fontes de energia, o hidrogénio verde tem a vantagem de emitir um nível de poluição zero, já que o produto final da combustão é simplesmente vapor de água.

5 – Versátil e estratégico

As utilizações eficientes do ponto de vista ambiental do hidrogénio são variadas (versatilidade), o que faz com esteja atualmente na linha da frente no setor da energia (estratégia).

6 – Aplicações variadas

Entre muitas outras aplicações, o hidrogénio pode ser usado para complementar ou substituir o gás natural em determinadas indústrias, pode vir a ser o combustível de eleição para meios de transporte desde veículos pesados, ferrovia, aviação, navegação marítima, pode ser produzido com recurso a eletricidade para aproveitar os períodos de menor procura da rede e pode também ser usado para gerar energia elétrica em períodos de maior procura e menor produção. 

7 – Elevada capacidade energética

O hidrogénio tem uma particular aptidão para o armazenamento de energia, sendo o combustível com a maior densidade energética. Tem uma capacidade energética quase 3 vezes superior aos combustíveis convencionais. 

8 – Maior flexibilidade 

O hidrogénio pode armazenar a energia produzida a partir de fontes renováveis por longos períodos, até ser novamente necessária. O desafio atual, e no qual várias empresas do setor estão empenhadas, consiste em encontrar formas seguras, viáveis e rentáveis de o armazenar e transportar.

9- Armazenamento a longo prazo

Apesar de ser muito inflamável, mesmo na forma líquida, e da complexidade técnica para o manter a baixas temperaturas, o hidrogénio tem no armazenamento a longo prazo uma das suas grandes vantagens, pois pode ser guardado sem se deteriorar ou dissipar.

10 – Promove a eficiência

Ao nível das infraestruturas industriais obsoletas, o hidrogénio também oferece vantagens ao nível da eficiência. Evitar o completo desmantelamento de uma unidade industrial, adaptando-a a um novo sistema de consumo de energia, também é promover a eficiência e o meio ambiente, evitando assim a construção de mais uma fábrica.

11 – Complemento à energia elétrica

O hidrogénio e a eletricidade, mais do que concorrentes diretos em determinadas áreas, tenderão a ser complementares pelas suas caraterísticas e aplicações distintas. Será precisamente dessa forma que se conseguirá uma descarbonização mais rápida da economia.

12 – Peça fundamental para a neutralidade carbónica

O hidrogénio verde, sem emissões poluentes associadas à sua utilização nem à sua produção, é uma aposta segura rumo às metas globais de eficiência energética e à neutralidade carbónica.

Sendo necessária uma grande capacidade elétrica para a produção de hidrogénio, atualmente já estão a ser desenvolvidas rotas e tecnologias para o seu transporte a partir dos locais onde existe mais recurso renovável e potencial de produção de hidrogénio de forma mais competitiva, para regiões de maior consumo.

Portugal, pelo peso crescente das energias renováveis, é um dos países que pode vir a ser grande exportador de hidrogénio.

Apoiamos a sua empresa!

A NOCTULA – Consultores em Ambiente pode apoiar a sua empresa, em várias áreas de intervenção:

  1. Pedidos de Enquadramento no RJAIA;
  2. Estudos relacionados com os procedimentos de Avaliação de Impactes (EIA) e Incidências Ambientais (EIncA);
  3. Estudos de Macrocondicionantes Ambientais;
  4. Monitorizações de Sistemas Ecológicos;
  5. Planos de gestão para espécies específicas de fauna e flora;
  6. Medidas de minimização e compensatórias.

 

Se precisar de apoio neste âmbito, não hesite em contactar-nos: 232 436 000 ou através do email: info@noctula.pt.

… o que interessa deve ser partilhado!

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email

Este site utiliza cookies para permitir uma melhor experiência por parte do utilizador. Leia a nossa Política de Privacidade para mais informações.